A honestidade ainda existe

f3fh5xyzy0

Hoje eu vim contar pra vocês algo que aconteceu comigo na sexta-feira passada e eu não podia deixar de compartilhar com vocês.

Todos os dias eu pego alguns (muitos) ônibus para ir para o trabalho e naquele dia acordei com a cabeça na lua e coloquei o celular no bolso da calça (o que eu nunca faço), resumindo: deixei o celular cair no banco do ônibus. E ao descer na empresa senti falta do meu celular.

Eu fiquei desesperada.

O meu chão simplesmente caiu e eu não sabia o que fazer, pois isso nunca havia acontecido comigo.

Pedi ajuda a minha supervisora, tentei ligar inúmeras vezes para o meu número na esperança de que alguém atendesse e esse alguém fosse honesto. O que eu não acreditava muito.

Eu cresci aprendendo a não confiar nas pessoas e com isso eu aprendi a ser uma pessoa desconfiada. Eu nunca acreditei na boa intenção das pessoas e eu cobrava isso demais do meu namorado, pois ele é o oposto de mim.

E eu quebrei a cara. Pelo menos desta vez.

E eu tentei mais uma vez  ligar para o meu número e desta vez uma senhora com uma voz um pouco desconfiada atendeu, de cara eu já perguntei quem estava falando e ela respondeu sem problema algum: “Mara” e eu respondi: “Dona Mara, a senhora está falando com a dona do celular” e ela super simpática disse “Ahh, você deixou o seu celular no banco do ônibus, eu vi você descendo no ponto de ônibus, você trabalha lá?” e eu respondi que sim. E então ela me propôs que o marido dela levasse o celular pra mim até a minha empresa, pois ele iria para o trabalho e passaria por ali.

Pessoas honestas ainda existem.

Claro que dona Mara é uma exceção, infelizmente, pois muitas pessoas no lugar dela não fariam isso. Mas dona Mara me fez acreditar nas pessoas e que sim, as pessoas podem ter boas intenções.

Eu espero que assim como eu, vocês que duvidam um pouco da bondade ou que a nossa humanidade não tem futuro, saibam que existem mais donas Maras por aí.

Um beijo mega especial pra senhora Mara que fez da minha sexta-feira muito melhor!

24 anos, adora sinceridade e fala o que lhe dá na telha.

Talvez cê curta

118 Comentários

  1. Gente, que bonito isso, nem acredito. A gente fica maravilhada nesses momentos, que bom que sua história teve um final feliz e com mais esperança na humanidade <3


    Beijos

  2. Olá Sté, Também sou como vocêm desconfiada de mais, e um dia
    que minha sogra veio em minha cas, quando ela desceu do carro
    para abrir o portão deixou o celular cair sendo que este estava no colo,
    quando ela entrou na minha casa deu por falta do celular e tentamos
    ligar umas 4 vezes para o celular dela até que um homen atendeu e
    disse que levaria o celular de volta e devolveu mesmo, São raridades que
    existem neste mundo.
    Bjs
    http://eueminhasplantinhas.blogspot.com.br/

  3. A coisa mais maravilhosa do mundo é achar pessoas boas assim, dá uma alegria no coração e uma razão a mais pra acreditar na humanidade, né? Precisamos de mais pessoas no mundo como a dona Mara <3
    Um beijão,
    Gabi do likegabs.blogspot.com ♡

  4. O que a dona Mara fez devia ser normal, né? Mas assim como você, eu e muitas pessoas nos espantamos quando alguém é honesto. Não culpo você, nem eu e nem essas outras muitas pessoas; é só olhar no jornal, é só ir na rua.
    Mas fico feliz de ler histórias assim, que lembram que podemos fazer a diferença e acreditar que elas podem nos afetar – de um jeito bom, claro.
    Mas ó, não deixa mais o celular no bolso da calça não.

    Beijos,
    Bi.

    http://www.naogostodeunicornios.com

  5. Que sorte você teve em ter sido a D. Mara quem encontrou o seu celular! Infelizmente pessoas como ela são difíceis de encontrar hoje em dia, mas é muito bom ler uma história dessas e ver que, apesar de raras, essas pessoas ainda existem.
    Beijos

  6. Awn que legal essa atitude da dona Mara; é realmente difícil encontrar pessoas sejam honestas.

    Uma vez perdi meu celular dentro de um provador de roupas de uma loja, liguei e nada, dai, depois de rodar, vi uma mulher com ele na mão (dentro da loja) e fui até ela, só sabia que era meu celular por causa da capa, dai disse “esse celular é meu senhora, eu perdi, a senhora acabou de pegar? porque eu liguei foi muito”, a mulher ficou sem graça, e nem podia fazer nada pq tinha minha foto na capa, ainda bem que tinha senha.

    Enfim, dai ela me entregou meio zangada ainda kkkkk. E uma moça que trabalha lá disse que viu ela saindo do trocador com o cel na mão. Minha conlusão, acho que a senhora não queria devolver pq não atendia as ligações, coisa feia da parte dela. Mas no final deu tudo certo.

    http://www.andressacmoraes.com/

    1. Poxa, Dessa! Que coisa chata, mas ainda bem que o seu celular tinha uma capinha diferente pra você poder reconhecer. É triste saber que existem pessoas assim, como ela conseguiria deitar a cabeça no travesseiro e dormir? :s

  7. Oi Sté!

    Achei o máximo a dona Mara <3
    Linda, maravilhosa e uma amostra de que existe gente boa e honesta. Eu faria o mesmo, sem a menor sombra de hipocrisia. Minha mãe me ensinou a valorizar aquilo que conquistamos, o que é dos outros são conquistas delas, não nos pertence.

    Que maravilha te rum dia assim.
    que venham muitos! Mas sem perder o celular de novo!

    :**

  8. Imagino o desespero que você passou, Sté! Sorte que ainda existe no mundo pessoas como a Mara, mas pena que são poucas. É cultural, uma resposta à situação do país e ao jeitinho errado de muita gente 🙁

  9. Nossa que bom que a Dona Mara encontrou o celular e te devolveu. A sua desconfiança não é á toa boa parte das pessoas não tomariam essa atitude, e não pensam no quanto as vezes ralamos pra conseguir aquilo, mas pessoas boas e honestas ainda existem!!
    pequenatagarela.com.br

  10. Realmente vivemos em um caos, onde é difícil confiar no próximo, mas são pessoas iguais a Mara que nos fazem ter esperança de um mundo melhor.

    Infelizmente eu nunca tive o prazer de alguém honesto ter encontrado o meu celular (aqui no Brasil), mas o seu namorado está certo, ainda precisamos acreditar no mundo.

    Beijos, Love is Colorful

  11. Graças a Deus existem sim e por causa dessas pessoas é que acredito em um mundo melhor.
    A dois anos atrás viajei para Recife e também perdi meu celular no dia que estava voltando. Liguei durante toda a viagem e dei ele por perdido mesmo. Quando cheguei em casa (sou do interior do RJ), liguei novamente e a pessoa disseque achou e colocou para carregar, enfim: dentro de uma semana recebi meu celular no trabalho pelos correios!

    Nem eu acreditei!

    bjO

    Dany
    Breshopping da Dany
    http://www.brechodanylins.com.br

  12. Gente, que coisa boa! Bom porque você conseguiu seu celular de volta e bom porque quando a gente se depara com essas pessoas honestas e sinceras, tão especiais nos dias de hoje, o dia parece que fica mais brilhante, né? xD

    Um beijo grande, Sté, feliz por você ter conseguido seu celular de volta!
    Heeey, Maria! | Fanpage

  13. Parabéns Dona Mara, você fez a Sté mudar de ideia haha
    Meu marido uma vez tbm perdeu o celular e quem o achou devolveu. Uma história que eu fiquei impressionada foi a de um homem que achou no chão uma conta de luz com o dinheiro embolado dentro dela, ele foi até a lotérica e pagou a conta. Quer dizer, se fosse alguém de má fé jogava a conta fora e ficava com o dinheiro.
    Também sou desconfiada como você, mas a gente sempre acha alguns e algumas donas Maras por aí.
    Beijo, http://www.apenasleiteepimenta.com.br

  14. Maria 🙂 aww, então, eu primeiramente gostaria de expressar o meu amor por esse nome. Maria é nome da minha avó, e sabe, durante o tempo do meu período escolar, muitos colegas, muitos professores me chamavam assim haha, tipo eu não tenho Maria oficialmente no meu nome, mas é como se eu tivesse.

    Tanto que tem pessoas que pensam até hoje que eu tenho Maria no meu nome haha! Eu me ligo instantaneamente a tudo que diz respeito a esse nome. Eu amei o seu blog, amei a sua escrita, é um texto que eu amei ter lido porque eu atualmente só ouço que não devemos confiar em ninguém, ou não acredite em ninguém, mas sabe eu creio que existem sim pessoas boas, pessoas que merecem ter esse título, esse encorajamento!

    Que Deus abençoe a dona Mara por ter cruzado o seu caminho e ter feito você presenciar um ato de bondade, honestidade.

    Um grande beijo, fico muito feliz por você Sté!

    http://www.senhoritadeise.com

    1. Awnnnnnn, Deise, vem cá, deixa eu te abraçar []
      Fico feliz que tenha gostado e sim, sorte a minha cruzar com um serumaninho abençoado com a Dona Mara! *-*

  15. Que blog gostoso… Passa uma sensação de tranquilidade. Estou adorando conhecer! Ah, acho que vim parar aqui através do blog Valeu à pena Esperar 🙂
    Existem muitas pessoas honestas e às vezes a desconfiança não deixa a gente perceber. Acredito que ainda confiar nas pessoas não é o mesmo que não se precaver ou ter a inocência de achar que todas as pessoas são legais.
    Tão bom poder ler uma história assim.

  16. Primeiramente, amei a sua descrição de ‘quem é Maria?’ Bem criativa e acho fantástico essa coisa de criar um pseudônimo haha. Queria que tivesse um botãozinho pra seguir o Blog, mas não achei ;/
    Sobre o texto, também achei uma “Mara” há uns meses atrás quando perdi meu celular, a pessoa foi super honesta e me devolveu, quase morri de alegria. É raro encontrar pessoas assim hoje em dia, né?
    Beijos,
    #fiquerosa

    http://www.fiquerosa.com/

  17. Nossa que bom que conseguiu recuperar seu celular, afinal de contas, hoje carregamos nossa vida no aparelho né… são fotos, anotações e tudo que precisamos para o dia a dia! Aconteceu a mesma coisa com minha mãe, porém, ela foi a pessoa quem achou e esperou a dona ligar para marcar de lhe entregar. A pessoa ficou tão grata que deu até um dinheiro para ela de recompensa 😉

    bjs

    http://www.tpmbasica.com.br
    youtube.com/tpmbasica

  18. Imagino o desespero pelo qual você passou ao sentir falta do celular, eu mesma quando perco dentro de casa já fico desesperada imagina em lugares públicos KKKK.
    Bom, pelo menos no final deu tudo certo, e você teve muita sorte quanto a Dona Mara, pois hoje em dia é muito difícil achar honestidade nas pessoas.

    p.s: Por favor da uma olhadinha no meu blog!!

    http://floresdoamanhaa.blogspot.com.br/

    1. Sim, eu também fico desesperada quando perco em casa! Hahahah e na rua eu simplesmente perdi o chão! Mas graças a Deus dona Mara cruzou meu caminho! ><

  19. Sté, obrigada por compartilhar essa história. Eu sou muito negativa nessa coisa de acreditar em pessoas do bem e etc., então adoro ler relatos que vão contra a ideia que eu penso ser “o padrão”. Mesmo sendo exceções, elas existem – e talvez a gente tenha que focar nelas mesmo. E que sejamos sempre a Mara para alguma pessoa também!
    Beijos,
    Bru
    Blog Moderando

    1. Essa semana me aconteceu algo parecido, Bru e eu me senti muito a dona Mara! Haha
      Eu fui sacar dinheiro em um caixa 24h e um senhor estava na minha frente, na vez dele ele sacou e quando eu fui para o caixa eletrônico na saída tinha R$50 aí eu avisei ele e ele me agradeceu muito, afinal, R$50 faz muita falta!
      E não que eu não fizesse isso antes, mas hoje eu me lembro muito dela e percebo que eu sempre fui honesta e ainda existem pessoas como nós e isso é tão <3

  20. Amei ler o seu relato, Sté! O mundo precisa de mais gente assim e estou muito feliz por você ter encontrado uma dessas pessoas. São coisas como esta que fazem a gente renovar as esperanças e acreditar em um mundo melhor. Que pessoas como a Mara sempre estejam presentes em nossas vidas. =)
    Beijinhos ♥

    Contadora de Histórias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *