Maria assistiu: As Excluídas

Depois de serem vítimas de uma brincadeira humilhante pela Abelha Rainha da escola, as melhores amigas nerds, Mindy e Jodi, decidem começar uma vingança escolar reunindo todos os nerds que já foram pisados por ela. Porém no meio da guerra é que a amizade de Jodi e Mindy será provada.

Que eu adoro filmes sobre colegial já não é mais novidade, né? Assistir filmes assim me dão uma nostalgia muito gostosa! <3

The Outcasts, As Excluídas no Brasil, é um filme de comédia adolescente que mostra uma das realidades sobre o colegial: bullying. Eu sei que existem vários filmes sobre isso e que ele poderia ser só mais um, mas eu garanto que é um dos melhores que já assisti nesse contexto.

Nele vemos duas amigas de infância inseparáveis; consideradas nerds e estranhas que sofrem bullying pelo grupinho de pessoas mais populares da escola. Juntas, as duas decidem unir mais pessoas como elas, recrutam então um grupo para combater as agressões físicas e psicológicas.

Mas, uma das duas amigas esquece o real significado disso tudo e começa a combater o bullying com mais bullying. E é aí que a amizade das duas fica balançada.

A mensagem do filme é muito bacana, eu recomendo muito pra quem quer se distrair 

O trailer:

23 anos, adora sinceridade e fala o que lhe dá na telha.

Comenta aqui, miga!

Maria assistiu: Amor.com

 

Sinopse: Katrina é uma famosa blogueira de moda que dita tendências no mercado brasileiro através de seus populares vídeos na internet. Fernando, por sua vez, é um vlogueiro de um canal de videogames que ainda não é muito famoso, mas que já está fazendo certo sucesso. Quando os dois se conhecem, em uma situação complicada, acabam se apaixonando e o romance dos dois ganha destaque na internet.

Dois mundos completamente diferentes, mesmo que os dois tenham algo em comum: um canal no youtube. Katrina interpretada por nossa linda e maravilhosa Isis Valverde é uma blogueira muito famosa com milhares de seguidores enquanto Fernando é um gamer que ainda mora com sua mãe e faz vídeos com seus colegas, mas não chega nem perto do quão Katrina é famosa.

Katrina é fútil e se preocupa muito com a sua aparência, afinal, é dela que ela vive. Mas algo acontece que faz Katrina repensar sobre os homens que ela sai. E como o destino é bem gentil, Katrina conhece Fernando e a partir dali ela decide que tem que conhecer coisas diferentes, participar de um mundo completamente diferente: o de Fernando.

No decorrer do filme vemos situações no relacionamento dos dois que acontecem com casais comuns e começam a aparecer as diferenças das vidas dos dois.

Sabe aquele filme bobo de romance que toda mulher adora? Então, esse é perfeito pra quem quer assistir um filme sem compromisso e quer se distrair 

23 anos, adora sinceridade e fala o que lhe dá na telha.

Comenta aqui, miga!

Maria assistiu: A Múmia – 2017

 

Sinopse: Nas profundezas do deserto, uma antiga rainha cujo destino foi injustamente tirado está mumificada. Apesar de estar sepultada em sua cripta, ela desperta nos dias atuais. Com uma maldade acumulada ao longo dos anos, ela espelha terror desde as areais do Oriente Médio até os becos de Londres.

Nick Morton interpretado por Tom Cruise (que aparentemente nunca envelhece), é um membro do exército americano que acidentalmente liberta a múmia de sua prisão. Ahmanet, a múmia, tem planos de dominação mundial junto com um parceiro e o escolhido para esta posição é o próprio Nick.

Nick tem visões e nelas conseguimos entender melhor o filme, pois vemos o que acontece com Ahmanet.

Li muitas resenhas negativas a respeito desse filme, mas confesso que nunca fui fã de filmes com esta temática. Quando meu namorado sugeriu que assistíssemos esse filme fiz cara feia, mas quando vi que era de 2017 assenti assistí-lo. O filme prioriza mais a aventura que o horror, mas isso não significa que ele não tenha momentos darks. E há uma pontinha de humor também, talvez por isso ele tenha sido tão julgado. Na minha humilde opinião, ele é um bom filme.

E vocês, já assistiram? 

23 anos, adora sinceridade e fala o que lhe dá na telha.

Comenta aqui, miga!