Com você eu não tenho medo

De enfrentar o mundo lá fora.

Com você eu sinto que o mundo ao nosso redor é tão pequeno e antes de você eu me sentia tão frágil e incapaz de enfrentar o que há além do meu quarto.

Isso não significa que você me mudou, até porque isso seria errado, eu me refiro a abrir os olhos. Você abriu meus olhos para que eu conseguisse enxergar o que antes eu não via. Hoje eu vejo um mundo lá fora pronto pra me receber, pois eu estou pronta para o que possa surgir.

Você fez de mim mais forte. Você me mostrou o quão forte eu sou.

E isso é uma das coisas mais bonitas em um relacionamento, quando um dá suporte ao outro e é o teu companheirismo que nos une tanto. Venho crescendo com você, mesmo pequena, mas não sou mais tão frágil e mesmo que eu me sinta às vezes perdida você me envolve num abraço e tudo fica bem.

Você torna tudo mais fácil.

Desde a rotina até o trânsito de todas as manhãs que me faz chegar em cima da hora no trabalho. Com você é mais fácil lidar com o dia a dia.

Com você eu não tenho medo algum, pois eu tenho você.

23 anos, adora sinceridade e fala o que lhe dá na telha.
Comenta aqui, miga!

Você me dá contrações ventriculares prematuras

Você faz meu coração palpitar, é isso que significa e é exatamente o que você causa em mim. Lembra dessa frase? É do primeiro filme que assistimos juntos (sexo sem compromisso) e que coincidentemente bateu com a nossa história.

Não só o coração palpita, como também as minhas mãos suam e eu fico sem fôlego toda vez que você mantém seus olhos em mim. É uma sensação estranha, dá um friozinho na barriga, mas é tão bom, pois todas as vezes que você insiste seus olhos nos meus eu esqueço de tudo ao nosso redor.

Eu me sinto única.

O que será que eu causo em você? Você pode até me achar estranha, mas eu queria poder ler sua mente pra saber o que você pensa sobre mim e se isso tudo é recíproco. Eu sei que seria mais fácil eu te perguntar, mas eu sou orgulhosa demais pra demonstrar que me importo. E é exatamente por isso que eu vi a nossa história naquele filme.

Eu queria definir o que eu sinto quando você me abraça, mas é uma mistura de coração acelerado e pernas bambas que eu não consigo me focar em mais nada a não ser o seu abraço que se encaixa perfeitamente ao meu.

Você faz meu coração dançar.

23 anos, adora sinceridade e fala o que lhe dá na telha.
Comenta aqui, miga!

O nosso destino

É ficarmos juntos.

E eu sei disso desde a primeira vez que os meus olhos bateram em você. E me deu um nó na garganta quando você me disse oi, foi como se eu estivesse aprendendo a falar.

Na verdade, eu sinto que com você tudo é aprendizado: o primeiro abraço, o primeiro beijo. Todas as nossas primeiras vezes parecem as minhas primeiras vezes. E confesso que eu amei esse teu jeitinho de me ensinar. Não me arrependo do meu passado, eu sempre repito isso, mas eu adoraria que as minhas primeiras vezes tivessem sido suas.

Mesmo depois de algum tempo eu continuo sentindo aquele frio na barriga, principalmente quando ouço seus passos na minha garagem vindo em direção a minha porta. Fico ansiosa esperando você abrir a porta e me lançar aquele olhar de quem quer me ter, de quem já me tem.

São poucas as certezas que eu tenho e uma delas é de que você apareceu no momento certo. O momento até pode não ter sido o certo, mas você o tornou certo e continuou o fazendo ser certo. Tão certo que hoje nós somos o que somos, apaixonados, amantes e mais piegas impossível.

O meu destino e o seu não foram traçados na maternidade, mas agora não é apenas meu ou seu é o nosso destino.

23 anos, adora sinceridade e fala o que lhe dá na telha.
Comenta aqui, miga!