E de repente um vazio

CMFLFVFD9L

Hoje quando eu acordei senti um vazio, como se estivesse faltando algo, mas eu não soube de imediato decifrar sobre o que era esse vazio.

Passei o dia pensativa, distante, me perguntando sobre esse vazio e em meio a inúmeros questionamentos uma das perguntas que surgiram em minha mente se destacou: O que está faltando na minha vida?

E foi aí que tudo fez sentido, após algumas revisões de como eu andava comandando minha vida e lembranças dos meus últimos meses, tais como: trabalho, casa, casa e trabalho, eu então cheguei a uma conclusão e consegui entender o porquê de estar sentindo aquele vazio, eu precisava de: amigos.

Talvez para algumas pessoas esse não seja um dos fatores mais importantes, mas, para mim um dia já foi.

A amizade vinha em primeiro lugar nas minhas escolhas, eu colocava a amizade acima de qualquer outra coisa. Tudo que estivesse ao meu alcance, eu faria, ou se não estivesse, eu dava um jeito para ajudar os meus amigos. Não que isso seja ruim, hoje em dia aprecio pessoas que fazem o bem sem olhar a quem, pessoas humildes e humanas o suficiente para se importarem com o próximo, mas, como sempre há um, mas, eu me tornei uma pessoa insegura e que não acredita na bondade e simpatia de qualquer pessoa.

Muitas pessoas que se diziam meus amigos se aproveitavam da minha bondade e lealdade. Sempre que eles precisavam, eu estava ali, era muito fácil. Mesmo que eu fosse a segunda ou terceira opção, era uma opção, certo? Até que eu caí na real. Eles me procuravam apenas para pedir ajuda ou desabafar sobre suas desilusões amorosas e seus problemas quando não tinham mais ninguém.

Eu decidi cortar o mal pela raiz.

Amigos são essenciais em nossas vidas, mas nenhuma das minhas amizades eram saudáveis. Passei a ter inúmeros colegas de trabalho ou conhecidos, mas, nunca mais me envolvi a tal ponto de me tornar fiel escudeira e melhores amigos do tipo BFF. Foi difícil? Foi, mas hoje eu acordei sentindo a necessidade de ter alguém para chamar de meu amigo.

E como faço para deixar de lado essa insegurança que grita dentro de mim me impedindo de me entregar a uma amizade?

Bom, isso só o tempo vai me mostrar a hora certa, mas confesso que ainda não me sinto preparada.

 

23 anos, adora sinceridade e fala o que lhe dá na telha.

Talvez cê curta

84 Comentários

  1. Que texto aprofundado ♥ Na minha opinião amigos são o que preenche a alma por inteiro, são o que falta, e o que não tem problema se sobrar; Com eles meu mundo fica mais colorido. Ótimo texto.

    XOXO Gabbs,
    Feche a Porta

  2. Eu me encontro assim na verdade sou fácil de fazer amigos, mas pra manter é tão difícil. Eu acho que me esforço demais pra fazer amigos e no momento estou sem nenhum amigo de verdade pra contar a maioria que tenho é virtual.
    BFF então hoje em dia é difícil de fazer..
    Espero que essa fase passe pra você e pra mim.
    Beijos!
    Blog Pam Lepletier

  3. Ter amigos de verdade hoje em dia acho que está mais dificil mas não impossível encontrar alguns que estão lá nas horas boas e ruins da nossa vida. Agora aqueles amigos que só nos procuram pra sair e ficam contando seus problemas ruins na vida tem que fugir isso faz mal pra gente.

    Beijos

  4. É complicado, né? Às vezes a gente precisa de um amigo, mas fazer uma relação se desenvolver ao ponto de virar realmente uma amizade… é difícil demais. Pra mim amizade é que nem amor, precisa de confiança, de entrega, respeito… e nem sempre as pessoas estão dispostas a se entregar à uma amizade (ou a um amor).

    Adorei o texto, Sté!

    Um beijo!
    Heeey, Maria! | Fanpage

  5. É difícil a gente aceitar as “amizades” que estão ali só pra se aproveitar da gente, mas o tempo sempre está ai pra nos mostrar isso e a parte boa é que ficam os verdadeiros!
    Todos precisamos de amigos, muitos ou poucos, mas que sejam as melhores pessoas que possamos ter por perto.
    Beijo

  6. Pois é, me peguei pensando nisso estes dias “Como é difícil fazer uma amizade sincera” Ainda mais que me mudei pra SP há pouco tempo e parece que as pessoas aqui nem tempo pra conhecer os outros tem e chega uma hora que vc se vê cercada apenas de colegas… Mas acredito que o tempo se encarrega de nos ensinar a escolher quem vai e quem fica!
    Bjos
    http://www.armariodemoca.com.br

    1. Cidade grande, né?! E em muitos casos é até melhor que sejam apenas colegas! Pois não sabe ao certo quem a pessoa é! Sim, o tempo diz tudo!

  7. Oi, Sté! Eu me identifiquei muito com seu texto. Sofri uma decepção há alguns anos e até hoje fico com um pé atrás também. Vejo todo mundo cheio de amigos e me sinto mal por achar que sou deslocada, sabe? Tenho bons amigos, mas meus BFFs mesmo são meu namorado e minha irmã. Agrava o fato de que já morei em quatro cidades nos últimos oito anos e, nossa, como é difícil fazer amizades depois de adulto! Imagino que deve ter um motivo pra isso tudo, né? E é por isso também que eu estou gostando de ter um blog – podemos ser sinceros.
    Eu espero, de coração, que a vida te presenteie com pessoas especiais. 🙂
    Beijos,
    Bru
    http://www.moderando.com

    1. Nossos namorados são os nossos melhores amigos, né?! Ter o blog tem me ajudado muito, sabe? É muito bom encontrar pessoas como você que passa pelo mesmo que eu! Muito obrigada, Bru! Você também!

  8. Texto lindo! Olha, quando era adolescente eu me sentia mal por não ser aquela pessoa popular cheia dos “amigos”… Mas hoje vejo como eu era sortuda, pois aqueles poucos estão presentes até hoje! <3
    Tenho certeza que você vai encontrar a pessoa certa para chamar de BFF, Sté <3

    Beijo! ♥

  9. Eu amo minhas amizades que tenho hoje. Até alguns anos atrás, eu era bem sozinha, tinha amigos, mas não tipo BFF, sabe? Eu sofria muito com isso, porque não tinha com quem desabafar. Mas graças a Deus entrou um ser humaninho maravilhoso na minha vida nesse ano <3.
    E não perca as esperanças. Eu quase perdi a minha, pensei que seria sozinha para o resto da vida, mas vejo que eu estava beeem enganada. Quando quase perdi minha esperança, de repente, surgiu uma amizade maravilhosa, que nunca na vida eu esperaria. <3

    Beijoss,
    http://borboletasdecampo.blogspot.com.br/

  10. Eu me identifico muito com seu texto porque depois de quebrar a cara com amizades tantas e tantas vezes, hoje além de ser mais seletiva, também procuro me preservar ainda mais. Então tenho poucos amigos verdadeiros, que dá pra contar nos dedos de uma mão. Beijos :*

  11. Esse texto me definiu demais, sério mesmo! Eu era dessas que sempre ajudava todo mundo e nunca dizia não mesmo que eu realmente não quisesse, eu sempre dava um jeito. Até que comecei a reparar que algumas pessoas se aproveitavam daquilo e aí fiz igual você: cortei o mal pela raiz! Hoje em dia tenho meus amigos que eu sei que são verdadeiros, e aqueles “amigos” que só me usavam eu me afastei sem dó nenhum!
    Um beijão,
    Gabi do likegabs.blogspot.com ♡

  12. Eu sinto muita falta de ter amigos, também, sabia? Mas não sei, as pessoas são tão complicadas, e eu nunca consigo fazer acontecer a amizade, sempre mantenho distância demais por todas as experiências que já tive e não foram tão legais assim


    Beijos
    Brilho de Aluguel

  13. Então… olha eu te falo, só cofio em mim mesma e ponto final. As pessoas são diferentes, mudam demais, de repente contamos com elas e quando mais precisamos elas não podem estar lá. Uma vizinha minha hoje mesmo estava super mal pois foi passada para trás ela melhor amiga que era uma mentirosa profissional!!!

    A vida é assim. O importante é se amar e saber que nesta vida só nós mesmo nos bastamos 😉

    AMEI o texto!

    Bjinhos,
    ❥ AmigaDelicada.com.br

  14. Oi Sté, tudo bem? =)
    Gostei muito do seu texto e da sinceridade nas palavras.
    Realmente, amigos são importantes, mas é difícil, às vezes, reconhecer aqueles que são amigos de verdade ou aqueles que só se dizem amigos…
    Te compreendo muito bem e gostei muito do post, da sinceridade, das palavras…

    Amore, tem post novo lá no blog, te convido a vir conferir! =)

    Beijos
    Amanda Z.
    http://www.diariodelooks.com

    1. Fico feliz que tenha gostado, Amanda! De fato, é difícil reconhecer a real intenção da outra pessoa!
      Vou dar uma passadinha sim! ?

  15. Esse é um assunto bem complicado.
    Realmente é dificil se ter amigos , a maioria só quer sugar algo de nós..
    Mas acredite , um dia você vai encontrar alguém que vai querer acrescentar em sua vida . Sempre aparece algum ♥

  16. Oiii!
    Sei bem como é essa insegurança, não sinto ela somente nas amizades, mas em tudo sabe? Nosso medo é da decepção… O que ultimamente tá acontecendo com muita frequência viu, pelo menos comigo. Mas na verdade acho que nossos melhores amigos são nossa família, pais, e nós mesmas. Na vida encontramos algumas pessoas que se importam com a gente, mas não sei se existe aquela amizade que vemos em filmes, espero que exista pra encontrarmos!
    Beijos
    http://www.somosvisiveiseinfinitos.com.br
    Vídeo novo: https://www.youtube.com/watch?v=PRc5kB0nLx4

  17. é muito chato quando sentimos esses vazios, já passei por isso algumas vezes, e geralmente depois de um tempo nos fechamos a novas amizades justamente pelo medo que elas nos machuquem ♥ amei o blog

  18. Ai, Sté! Te entendo plenamente… As vezes eu sinto que preciso de novos e melhores amigos, mas as vezes acho que sou eu que sempre valorizo amizade demais e dai sempre sofro porque sou colocada na 300a posição de prioridade na lista dos outros e sempre coloco meus amigos como número 1 =/

    Ai não sei se sou eu a errada de fazer isso e ser tão presente e prestativa ou se as outras pessoas que realmente não me importam tanto comigo

    Fico sempre nessa dúvida, mas não eu quero ser mais uma pessoa que não liga para ninguém, sabe?

    Um beijo,
    Foca no Glitter

    1. Sei bem como é, Paula 🙁 a gente fica na dúvida se somos bobas demais priorizando as amizades ou se as pessoas são injustas e egoístas. Mas ó, vamos encontrar amigos bons ainda e vai ser recíproco!

  19. Super me identifico com seu texto Sté. Sou muito dedicada e prestativa com as minhas amizades, mas muita gente se aproveita dessa bondade achando que a gente é capacho dos outros sabe?
    Posso dizer que tenho 1 amiga verdadeira e nem mora na minha cidade.
    Temos vários colegas e na hora do aperto quando você não tem nada para oferecer, você percebe quem se preocupa com você. Assim como na hora da alegria, é raro encontrar um amigo que celebre a sua vitória sem sentir inveja.
    Ando muito decepcionada com as pessoas, mas acredito que o ser humano é capaz de mudar pra melhor.
    big beijos
    http://www.luluonthesky.com

  20. Faço de suas angústias as minhas. De verdade.

    Eu sinto a mesmíssima falta na minha vida. Eu já fui de uma lealdade tão extrema que beirava à idiotice e, com isso, quebrei muito a cara. Posteriormente acabei eliminando amizades tóxicas, uma a uma, até me ver sem nenhuma amizade, por mais superficial que seja.

    Hoje não consigo confiar tanto nas pessoas. As vezes eu acho que o mundo nos torna maus ou, no minimo, inseguros bagarai.

    beeeeijo
    beinghellz.com

  21. Adorei seu texto, e sua escrita, sua forma de pensar realmente é incrível. Amigos fazem falta mesmo. Você só percebe isso quando realmente precisa, e isso é um saco.

    Parabéns pela escrita. Adorei tudo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *