Maria viu por aí: “Não sou feminista…” por Isabela Mascarenhas

Gente, se tem uma coisa que eu não tenho muito são youtubers favoritos e essa aqui é uma das poucas exceções, pois eu conheci primeiro o blog da Isa Mascarenhas e hoje não fico sem assistir os vídeos dela!

Eu sempre gostei muito da Isa, mas nos últimos vídeos ela tem me surpreendido de uma forma muito positiva. Seu ponto de vista bate muito com o meu e não é só por isso que eu resolvi postar esse vídeo aqui. Resolvi postar, porque eu sei que muitas de vocês pensam assim como a gente! Bom, eu não me considero feminista, por não conhecer toda a ideia, mas, eu luto por direitos iguais e isso me torna parte disso tudo!

Eu vou deixar o vídeo aqui pra vocês assistirem, ele é bem curto, tem apenas 4 minutos! E eu quero ler comentários com a opinião de vocês, viu? 

24 anos, adora sinceridade e fala o que lhe dá na telha.

Talvez cê curta

76 Comentários

  1. Adorei ela, e te adoro por ter me feito assistir esse vídeo.
    Eu apoio a causa de feminista, mas deixo isso meio em ‘off’ por causa dos pensamentos dos caras à minha volta que acreditam que feministas querem ‘agredir os homens’ e tudo mais, nunca realmente achei para palavras para falar como eu me sentia em relação à essa luta, mas agora ela colocou meus pensamentos em frases e estou muito feliz com isso… Beijos!
    Feche a Porta

    1. Awnnnnnn *.*
      Eu não me considero totalmente feminista, porque eu não li muito a respeito, sabe? Mas eu acredito que se eu luto pela igualdade, eu tenho um pézinho nisso!

  2. Sté, leia bastante a respeito sobre o feminismo, muita ideia (de quem nunca leu sobre ou não é militante) é deturpada. O feminismo não quer ser superior, o feminismo NÃO é radical. O feminismo é lindo! E ser feminista é ser mulher é defender a mulher que você é e a mulher ao seu lado! Feminismo é ser tudo o que você quer ser sem proibições sem discriminações. Feminismo é uma luta diária desse machismo enraizado em todas nós! E quantos avanços nós conseguimos? Agradeça ao feminismo por hoje você poder votar, por você poder trabalhar, por poder estudar, por você poder escolher viver ao lado da pessoa que ama! E a conquista é assim diária, é história!!!
    Espero vir aqui no futuro e ver você tendo orgulho e batendo no peito dizendo que é feminista!
    um beijo

    coloresam.com

  3. Não conhecia a Isa e me apaixonei por esse vídeo. Ela fala de forma super didática e simples.
    Muitas mulheres tem um pouco de receio de se dizer feminista por conta dessa visão errada de feminismo ser o contrário de machismo. Mas acredito que na essência, todas nós somos feministas. Claro que existem várias vertentes, algumas desconheço. Mas o feminismo em geral, é muito importante para todas nós mulheres.

    Beijos,
    Mayelle | http://www.infinitosdetalhes.com.br

  4. Olá, tudo bem?
    Achei bem legal a opinião dela, ela falou muita coisa que penso.
    Pois eu via muitas pessoas que falavam que a mulher podia ser o que quisesse, mas um esteriotipo feminino elas não aceitavam pois não se enquadrava no feminismo.
    Temos que sim lutar pelos nossos direitos, pela igualdade… Busca uma sociedade melhor e sem preconceito, aceitar a diferença do outro e ser apenas a gente.
    Beijos

  5. Uia não conhecia… é sempre bom entender um pouquinho mais da causa. Não me considero tao feminista por ter exemplos que são extremos demais e que não concordo com algumas atitudes (tipo aquela de abaixar as calças na Av. Paulista e …. na foto de um deputado) e até algumas que não aceitavam mulheres como dona de casa, mas a ideia não é a mulher escolher onde quer estar? E se ela quer estar ali como dona de casa naquele momento, não é mesmo? Não a deixa menos empoderada do que outras por isso. Feminismo não pode ser parecido com machismo, e sim como busca da igualdade para se viver em uma sociedade melhor e mais justa.

    Assunto polêmico hoje kkkkkk
    Bjos

    1. Então, exatamente, algumas pessoas vão além do que é ser feminista e exageram, né? Mas concordo com você, nós apoiamos essa causa pra que a mulher possa escolher e ser o que ela quiser!

  6. Sté, que post lindo, que vídeo lindo! Se eu fosse você, pesquisaria mais a fundo sobre o feminismo. Existe muita gente espalhando conceitos errados sobre o movimento ou radicalizando ele, sabe? Coisa que não é pra acontecer, e quando acontece, acaba afastando muita gente do próprio movimento, quando na verdade ele é feito pra unir e não separar. Tem um vídeo muito legal sobre isso da Paula Landucci, o nome é “Suvaco peludo e o feminismo” (não te assusta com o nome hahaha), recomendo muito! Adorei o post <3
    Um beijão,
    Gabs do likegabs.blogspot.com ❣

  7. Gostei muito do vídeo dela! Acho que o problema do movimento é que muitas pessoas não entendem (tipo eu mesma). Acho que o próprio movimento as vezes não traz credibilidade por causa de algumas pessoas que quase que transformam tudo em extremismo. Eu acho que realmente devemos lutar por direitos iguais. E acho também que cada um tem que fazer o que quiser e cada um cuidar da própria vida.

    http://www.biigthais.com

    Beijoos ;*

  8. Ainda não a conhecia, e confesso que eu nunca paro pra ver nada que tenha a ver com feminismo. Pra falar a verdade eu acho que nunca parei pra analisar o que acho, sabe? De ter uma opinião própria.. E esse vídeo me resumiu. Acabei de me descobrir, com os mesmos pensamentos. Amei real! Obrigada por compartilhar, Sté! <3 Bjs

    http://www.mayaravieira.com.br

  9. Gostei bastante do ponto de vista abordado por ela nesse vídeo. Acho que faltam pessoas que se comuniquem dessa forma tão mais esclarecedora e livre de tons pesados sabe? Têm muitas pessoas que abominam esse movimento e confundem as coisas, enfim… gostei dela ter comentado que limites e regras demasiadas geram consequências na vida de alguém. E nossa que importante saber que o FEMISMO existe e que isso sim se equivale ao MACHISMO. Informação é e sempre será importante 🙂 valeu por essa oportunidade Sté, parabéns!

    senhoritadeise.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *