Dica da maria: Série New Girl

new-girl-mariasabetudo

Passei por uma fase assim: só procurava séries curtas e que me divertissem, porque de drama já bastava a minha vida! Aí eu resolvi me jogar nessa vida de séries engraçadas e curtas que me animassem a ponto de esquecer as coisas chatas do dia a dia.

E não é que deu certo? E essa série foi uma das que me tiraram do drama profundo! Hahahahahah!

New Girl

new-girl1-maria-sabe-tudo

A série é estrelada por Zooey Deschanel como Jessica “Jess” Day, uma garota esquisita e adorável que descobre que o namorado a traiu e por isso precisa arrumar um novo lugar para morar. Ela acaba arrumando um lugar onde moram três homens: Nick, um barman; Schmidt, um conquistador profissional, e Winston, um ex-jogador de basquete. Completam este grupo improvável a esperta amiga modelo de Jess, Cece. Juntos, os amigos tentam ajudar Jess a aprender sobre o amor, a vida e principalmente sobre si mesma, enquanto ao mesmo tempo, eles aprendem mais sobre si mesmos.

Sabe aquela série super boba com um humor incrível e que te faz esquecer dos problemas? Então, é a descrição pra essa série! O jeito divertido e mega desastrado de Jess é o foco da série, afinal, ela é a protagonista! Mas, ela não é a única com esse jeitinho divertido que me ganhou…

new-girl-maria-sabe-tudo

A série não gira apenas em torno dos problemas de Jess, todos os personagens têm um papel importante, pois sem eles a série não seria tão cômica! Eu acho incrível a forma que eles amadurecem com o tempo e mesmo amadurecendo eles não perdem o humor e a série vai ficando cada vez melhor! E claro, muita confusão com essa turma! Cada personagem tem lá sua graça e todos formam um belo time <3

new-girl2-maria-sabe-tudo

Alguém aí já assistiu ou ouviu falar? 

Comenta aqui, miga!

Playlist: nostalgia pura!

vinyl

Olá meninas! Essa semana separei pra vocês uma playlist com músicas que causam aquela nostalgia básica, porque cá entre nós, quem não gosta de fechar os olhos de vez em quando e viajar pra longe, não é mesmo?! E com essa playlist espero proporcionar um pouquinho da nostalgia que sinto ao ouvir essas músicas e podem ter certeza que uma playlist mais nostálgica que essa não há! 😉

1 The Reason – Hoobastank
2 Iris – Goo Goo Dolls
3 Hey There Delilah – Plain White T’s
4 Wonderwall – Oasis
5 Fix You – Coldplay
6 Alive – Pearl Jam
7 Don’t Let Me Down – The Beatles
8 My Sacrifice – Creed
9 Creep – Radiohead
10 Broken – Lifehouse

E aí, gostaram? Essa playlist foi baseada no meu histórico do youtube! É, como deu pra perceber eu tenho meus momentos nostálgicos (quase sempre! rsrs). E pra você que achou que a playlist para por aqui está muuuuito enganado! Logo, logo vou postar uma playlist de músicas nostálgicas brasileiras! <3

Espero que tenham gostado e que essas músicas fiquem marcadas eternamente nas playlists nostálgicas da vida de vocês! Hahaha.

Comenta aqui, miga!

Das coisas que mais sinto falta

 

das-coisas-que-mais-sinto-falta-maria-sabe-tudo

Você é a que eu mais sinto.

Quando te conheci jamais poderia imaginar que você se tornaria a minha maior saudade um dia.

Nós tínhamos um sonho em comum: não sermos comuns. Não éramos populares e não desejávamos isso, a gente só queria passar pela pior fase da nossa vida sem holofotes: a tão temida pré-adolescência. E nós superamos isso juntinhas.

Eu estava perdida e você me ajudou a me encontrar. Mudar de escola no meio do ensino fundamental não é a melhor experiência, mas eu felizmente encontrei você e você viu em mim a oportunidade de se encontrar. A nossa amizade nos completou.

Eis que uma nova paixão nos uniu: Rebelde. Nós compartilhávamos cada detalhe dessa paixão, cantávamos em todos os recreios as músicas da banda e dividíamos os trechos, pra que fosse justo. Você dizia que era a Mia e eu era a Roberta, afinal, toda loira tem sua morena, ops, ruiva. Mas eu não era ruiva e mais tarde você acabou pintando os seus cachinhos de vermelho, mas não foi diferente: toda morena tem sua ruiva.

Em cada cartinha que trocávamos era uma surpresa, junto com uma folha escrita, colocávamos no envelope todas as coisinhas que a gente via e lembrava da outra: adesivo, foto, palavras recortadas em uma revista etc. Até que um dia em uma dessas cartas decidimos que éramos mais que amigas: éramos irmãs, mas irmãs que havíamos escolhido. A partir dali a gente passou a se chamar de mana.

Fomos para o ensino médio, mas mudamos de colégio e acabamos não estudando na mesma sala e pra quem achou que isso abalaria a nossa amizade, conseguimos provar o contrário. Essa fase foi a mais gostosa da nossa amizade, compartilhamos novas experiências: namoricos de escola, ilusões amorosas, crises existencias, conversas no msn e depoimentos no orkut (saudade!).

E mais uma vez o destino nos ajudou: no terceiro ano caímos na mesma sala! Foi o melhor ano letivo, justo naquela época a escola resolveu que o alunos sentariam em duplas. Adivinha quem era a minha dupla?

Como sempre e, desde sempre, a gente formava uma dupla de duas.

Hoje, mesmo após 10 anos eu não canso de repetir que você foi a amizade mais sincera que eu tive. Que esteve ali por mim mesmo quando eu não merecia. Mesmo com a distância e a falta de tempo, você continua sendo a minha melhor amiga e a minha primeira opção.

E eu espero matar essa saudade logo, logo.

Comenta aqui, miga!