Pós-término de namoro

break-up

Términos de relacionamentos fazem parte da nossa vida, se você nunca namorou ou namora e nunca terminou: você é a diferentona da vez! Porque eu como mera mortal não passei apenas por um término; já passei por dois!

A questão é a seguinte, se o namoro termina numa boa e ambas as partes chegam a essa conclusão de forma amigável, não há problema algum. Os dois seguem suas vidas e até conseguem manter uma amizade bem legal. Quando eu digo amizade, não quero dizer que os dois virem melhores amigos, eu acho que pra tudo tem limite e um dos dois pode acabar confundindo isso, afinal, eles já tiveram sentimentos mais intensos um pelo outro. E confundir a essa altura do campeonato é bem normal, pela questão da carência e tudo mais.

Mas, é normal que pelo término ter sido tranquilo, role um carinho e lá de vez em quando eles troquem mensagens do tipo “Oi, tudo bem? Como seus pais estão?” “Minha mãe tem perguntado de você” e como eu sei disso? Um dos meus términos foi mais ou menos assim. Claro que isso não se aplica a todos os términos, mas eu acho que é a melhor forma de romper um relacionamento.

Querendo ou não você teve uma história com a pessoa e em algum momento você foi feliz e aquilo foi o suficiente pra você. O melhor é não deixar que um término transforme o relacionamento num erro seu, pois você acabou aprendendo muito com ele, não adianta dizer que não, né?!

who-needs-him

Agora, quando as expectativas são elevadas e os dois não estavam na mesma sintonia: elaia! Isso acontece bastante, bem mais que o término onde os dois entram em consenso e, é o pior tipo de término na minha opinião. Tudo o que não é saudável acontece nesse término! A pessoa que não concordou com o término ou simplesmente não aceita o fato de ter sido “deixada”, passa por fases bem complicadas.

Seja qual for o motivo do término, se você não esperava por ele, a sua vida vira de cabeça pra baixo. Como eu sei? Eu já vi pessoas próximas a mim passarem por isso e mesmo que eu dissesse que aquilo foi o melhor pra elas, não adiantava, elas insistiam em tentar entender, elas não conseguiam enxergar que o relacionamento não tinha mais futuro, não faria sentido algum continuar criando expectativas em cima de uma pessoa que não tinha mais interesse em prosseguir com o relacionamento.

“Ah, mas eu nunca mais vou encontrar alguém como ele”, exatamente, se ele terminou com você, por que diabos você vai querer encontrar alguém como ele?! “Eu nunca mais vou namorar”, nunca é uma palavra muito forte miga, mas, eu te aconselho a dar um tempo em relacionamentos e pensar na sua felicidade, conquistar seus ideais, focar em si mesma, se valorizar e acima de tudo: praticar o amor próprio!  Acho que livros de autoajuda ajudam muito nessa fase! E sim, você tem todo o direito de passar pelas fases: negação, raiva, na bad e a bebedeira! Se isso for te fortalecer e te fazer enxergar as coisas com clareza mais pra frente: vai com tudo, miga! Só não vale beber e mandar mensagem pro ex, ok? OK!

Vocês tiveram algum término diferente dos dois que eu citei? Ou como superaram? Conta pra gente!

Até a próxima, girls!

Xoxo.

23 anos, adora sinceridade e fala o que lhe dá na telha.

Talvez cê curta

74 Comentários

  1. Aconteceu algumas vezes, mas sabe? Eu não me importava de verdade com a relação e continuei normal. Hoje estou em uma relação há quase três anos e não sei se ficaria estabilizada se ela chegasse ao fim :c Você se envolve muito com uma pessoa e imagino que a distância, a briga, o término desequilibra a pessoa.

    1. Gabi, eu também não passei por términos tão ruins, pelo menos pra mim não foi, mas nós vemos pessoas próximas abaladas e dá vontade de dar um chaqualhão na pessoa!

  2. Mesmo sem nunca ter terminado (nem nunca começado, no meu caso), eu gostei do que disse, principalmente o “por que vai querer encontrar alguém como ele se você terminou?”; bom ponto!
    O texto todo foi muito particular e pareceu uma conversa com amiga. Isso que é o mais legal. Vou mandar a postagem para uma amiga que está passando por isso e lembrar ela daquela última frase ali, sobre não mandar mensagem bêbada haha é sempre válido lembrar.

    Beijos,
    Bi.

    http://www.naogostodeunicornios.com

  3. Até hoje, felizmente, não passei por nenhum fim de namoro complicado.
    Também acredito que os livros de autoajuda ajudem num a passar a fase menos boa.
    Beijinho, Kati

    ossegredosdakati.blogspot.com

  4. Términos são sempre complicados. Já passei por um onde eu achava que o erro foi todo meu, quando na verdade, nunca foi. Mas o melhor disso tudo é que conforme o tempo passa, a gente enxerga com mais clareza e vê que foi a melhor coisa que aconteceu.

    Beijo!

  5. Amei a abordagem do seu texto, Sté. Já passei por dois términos também, o primeiro me senti aliviada e muito feliz, pois não gostava nadinha da pessoa. O outro foi virtual, e foi o pior. Fiquei bem abalada! Mais tudo volta ao normal depois de algum tempo e a gente precisa estar pronta para novos amores e desamores.. ❤

    http://www.kailagarcia.com

  6. Estou no meu primeiro relacionamento sério nesse momento, há um aninho e cinco meses, então digamos que nunca passei por um término além daqueles que se fica um dia aqui e depois daqui há umas duas semanas. Nunca passei por um término de namoro, obviamente já me magoei e muito, mas não cheguei a passar meses ao lado de uma pessoa e terminar.
    Mas já acompanhei os términos das minhas amigas, da minha irmã recentemente, e nossa: dói!
    O da minha irmã está sendo esse caso de de vez em quando perguntar como está a família e tudo mais. E esse realmente aparenta ser a melhor forma.
    Adorei teu post!
    Beijão,
    https://radioactivebookss.blogspot.com.br

  7. Fui muito namoradeira até casar. Então foram muitos términos de namoro.
    Terminar doí, mas como sempre digo a fila anda.
    Quando a gente encontrar um amor verdadeira, quem sabe é p vida toda.
    bjs

  8. Só passei pelo primeiro, eu concordo com você. Não adianta insistir em algo sem futuro, isso só gera tristeza. Devemos saber quando acaba e aceitar. Se a pessoa não gosta mais da gente ou vice versa o melhor é cada um seguir seu rumo.
    Charme-se

  9. Eu gostei muito do post. Meu primeiro namoro fui eu quem terminei, para ficar com meu atual marido, mas por mais que seja doloroso um término acho que o que vale é pensar que se não deu certo é porque vem coisa melhor por aí 🙂
    Beijos
    BlogCarolNM
    FanPage

  10. Vira de cabeça pra baixo mesmo, acho que mesmo quando você termina.
    Por mais decidida que esteja, você está acostumada a uma rotina com outra pessoa né.
    kisses

  11. Pode parecer clichê o que eu vou falar agora, mas é a realidade hahaha de todos os términos que eu tive, sofri um pouquinho, alguns eu nem sofri, mas foi tudo tão leve que eu acho que nunca me importei de vdd com nenhum dos meus exs, acho que eu fui saber mesmo o que era se importar, amar, não querer se separar nunca, com o meu atual, que é o meu marido hj hahaha beijokas 🙂

  12. Oi minha flor
    falou tudo já passei pro esses tipos de términos
    mas o ultimo que sitou me fez lembra do ultimo termino antes de namorar com o meu marido hoje, namorava um rapaz quase 1 ano e terminamos na verdade ele terminou passei pela raiva negação bebedeira pois ainda gostava muito depois de uns meses comecei a sair com um rapaz dei a chance de conhecer outra pessoa e hoje estamos casados a 17 anos, mas enfim hoje se encontro com esse ex ficou o carinho e nos falamos as vezes ficou um “amizade” nada de melhores amigos mas enfim tudo passa!!

    bjs

    MarilisDutra
    |http://marilisdasilvadutra.blogspot.com.br/|

  13. Genteeee que texto sansacional! Muita gente precisa ler isso haha. É muito complicado essa questão de terminar quando alguém não está pronto para isso, mas quando o término é em comum acordo a vida fica mais leve e os dois podem inclusive ser amigos, como você mesma disse. Acho que no fundo é tudo uma questão de tempo, tempo para superar e seguir em frente, afinal de contas, o amor próprio deve vir em primeiro lugar sempre.
    Beijos,
    #fiquerosa

    Fique Rosa | Meu Canal YT

  14. Rachei de rir >>> “Ah, mas eu nunca mais vou encontrar alguém como ele”, exatamente, se ele terminou com você, por que diabos você vai querer encontrar alguém como ele?!

    Você é ótima! Meu único termino rompi relações, ele queria continuar conversando, mas eu só iria ficar me iludindo. Enfim, foi a melhor coisa que fiz, pq ele voltou com a ex que era antes de mim. #vidaCruel! kkk
    http://www.byanak.com.br

    1. Ah, traição, é algo que eu não aceito! Até por isso não citei, é algo que não combina nadinha comigo e não acho em hipótese alguma aceitável e não perdoaria!

  15. Já sofri um pouco, com meu ex, foi bem babaca, disse coisas horríveis. Coloquei na cabeça que nunca mais namoraria. Deu 3 meses e comecei um namoro totalmente diferente, com um rapaz que “gostava” quando criança. Um amor que evolui e hoje sou muito realizada ao lado dele, e não me imagino em outro lugar.
    Amei conhecer suas experiências.
    Um beijo,
    Esteticando-se

  16. Um post que eu gostaria de ter lido no passado 🙂 Estou num relacionamento há 8 anos e aprendendo bastante. Mas no passado os relacionamentos foram bem superficiais, e não acabaram de boa, por vários erros.
    Acredito que a melhor fase no término de namoro é se dedicar totalmente a você, e eu aprendi que essa “fase” nunca precisa acabar, e DEVE continuar no próximo relacionamento.
    Lindo e necessário post.

    1. Si, eu pensei muito antes de aceitar o seu comentário, pois achei ele bem particular, mas como você não pediu que eu não aceitasse eu resolvi te responder e deixar que todo mundo visse, pois, assim como você pode existir outra pessoa nessa mesma situação e eu espero que o que eu fale pra você sirva de conselho ou que faça você e outras garotas refletirem.
      Eu sei que quem ama passa por cima das crises, pois o amor supera qualquer coisa, certo? Amar não é só estar com a pessoa nos momentos bons, amar tem lá seus momentos ruins. Mas e se esse relacionamento estiver indo na mesma direção que o seu relacionamento anterior? Você é tão nova, Si, pra ficar se prendendo a sentimentos ruins ou a pessoas que não acrescentam nada na sua vida. Tenha coragem, se imponha e coloque um ponto final nas coisas que não te fazem bem e se uma delas é o seu relacionamento, não se prenda ao comodismo, não tenha medo de ficar sozinha. Se olhe no espelho e veja o quão linda e forte você é e quando for pra acontecer, você vai encontrar alguém que vai valer a pena. Eu te prometo!

  17. Eu só tive um relacionamento acabado antes do meu atual, Sté, e acabar foi bem difícil. A situação é que éramos amigos, mas depois de um tempo percebi que o amor que eu tinha por ele não era exatamente uma amor de relacionamento amoroso, sabe? Funcionávamos melhor como amigos, ao meu ver. Foi difícil terminar, ele ficou um pouco sentido comigo – deixamos até de nos falar por um bom tempo -, mas depois a gente foi se entendendo e vimos que realmente foi o melhor pros dois.

    São coisas com as quais que a gente tem que aprender a lidar, né? Acho que esses processos fazem com a que a gente cresça. Dói, mas a gente tem que se acostumar e deixar a dor ir embora pra voltar a ser feliz.

    Beijo grande!
    Heeey, Maria! | Fanpage

    ps: Sté, que lindo o conselho que você deu aí em cima pra Simone. Espero que ela veja e que a ajude. Ou à outras mulheres que passem por situações parecidas. E se ela ler isso aqui: Te desejo muita força! E ame você mesma acima de qualquer pessoa <3

    1. Ray, eu passei por isso também, mas infelizmente só eu o via como amigo e isso aconteceu enquanto namorávamos ainda, sabe? Foi difícil 🙁
      Ahhhhh, Ray, cê é muito amorzinho <3

  18. Estou passando por isso e na luta pra me recompor porque não é fácil, A gente se apega a pessoa e no dia a dia faz muita falta, mas no meu caso não tinha mais como continuar e tive que tomar essa decisão. O ruim é a gente não ver mais ninguém na nossa frente, parece que como aquela pessoa nunca acharemos mais ninguém. Talvez isso seja uma coisa boa, hihi.
    Amei seu texto.

    http://www.glamourosasderosa.com/

  19. Eu sempre fui a pessoa que terminou os relacionamentos e eu tenho um problema porque hoje eu amo a pessoa mais do que tudo na minha vida e no segundo seguinte não. Meus sentimentos acabam com a mesma velocidade que eu decido o que eu quero no meu burrito. Não é nem um pouco ruim para mim, só para quem está comigo que sempre é pego de surpresa…

    Um beijo,
    Foca no Glitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *