O que a maria tem ouvido

 

Cá estou eu novamente compartilhando com vocês as não novidades musicais, pois se tem uma coisa que eu não sou é antenada no mundo da música. Já fui, confesso que um dia eu realmente já fui ligada nos lançamentos musicais.

Mas, como os dias têm sido tão corridos e a cada dia aparece uma coisa diferente pra fazer, fica impossível me manter atualizada.

Ultimamente tenho me apegado as trilhas sonoras de séries, quem nunca né? Eu always! Parece que quando a soundtrack é boa, eu vicio mais ainda! E essa semana eu trouxe pra vocês as músicas que mais me agradaram da série Wynonna Earp, tem resenha da série aqui: Vem cá ler.

Tell That Devil – Jill Andrews

Burnin Up – Distant Cousins

Write My Story – Olly Anna

Out For You – Colyer

Strike a Match – Zayde Wølf

King – Zayde Wølf

23 anos, adora sinceridade e fala o que lhe dá na telha.

Comenta aqui, miga!

Maria assistiu: Wynonna Earp

Hello girls, durante as minhas férias o que eu prometi fazer e cumpri foi terminar as séries que eu queria muuuito terminar! Que são Grey’s Anatomy e Supernatural <3 depois que eu terminei as duas, fiquei sem opção e não queria me apegar, pois estava com aquele deprê pós série, sabe?

Foi aí que eu encontrei na Netflix uma série que chamou minha atenção por me lembrar de Supernatural, aí eu dei uma chance né? A série se chama Wynonna Earp e no momento possui apenas uma temporada com 13 episódios, mas a segunda temporada já foi confirmada para junho deste ano!

Sinopse:

Depois de anos de fuga e em detenção juvenil, Wynonna Earp está finalmente voltando para casa. O único problema é que ninguém em casa quer que ela volte. Mas quando ela se torna a única esperança da cidade de erradicar demônios misteriosos, Wynonna deve escolher de que lado da lei ela quer lutar, enquanto limpa o nome de seu lendário bisavô Wyatt Earp de uma vez por todas. (Fonte: Minha Série)

No começo eu comparei muito a série com Supernatural e infelizmente não me empolguei em continuar assistindo por conta das comparações, mas, eu como boa brasileira que sou, insisti.

O início da série é um pouco confusa e vaga, mas nos episódios seguintes com algumas revelações eu consegui me inteirar um pouco mais. O final da temporada foi uma bomba atrás da outra e quando acabou eu fiquei WHAT?

Então sim, eu terminei a série morrendo de vontade de assistir a próxima temporada. O jeito agora é esperar, né?

Se vocês gostam de coisas supernaturais vale a pena assistir, a série é leve, então não tem nada além de demônios com olhos vermelhos!

23 anos, adora sinceridade e fala o que lhe dá na telha.

Comenta aqui, miga!